As razões por que a bolsa bate recorde enquanto a economia patina

O índice Ibovespa atingiu, pela primeira vez na história, os 100 mil pontos. Por que o mercado está tão otimista se as projeções de crescimento vêm sendo reduzidas e o desemprego segue em alta? O mercado de ações começou a semana com otimismo. O Ibovespa, principal índice da bolsa de valores de São Paulo, bateu 100 mil[…]

Presidentes da Caixa e do Banco do Brasil descartam privatização

Os novos presidentes da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, e do Banco do Brasil, Rubem Novaes, descartaram, nessa segunda-feira (7), a privatização dos bancos públicos. Mas os dois estudam abrir o capital de subsidiárias. O objetivo é vender na bolsa de valores ações de setores como cartões de crédito e seguros, que não fazem parte[…]

Futuro presidente do BNDES quer atuar em parceria com setor privado

Assim será possível chegar ao desenvolvimento sustentável, diz Levy O futuro presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy, disse hoje (12) que a meta dos bancos de desenvolvimento não é substituir os agentes, mas trabalhar em parceria com o setor privado em diversas áreas para alcançar os objetivos da sociedade[…]

Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro

A demanda por bens industriais avançou de 0,3% em outubro, na comparação com o mês anterior. É o que mostra o Indicador Ipea Mensal de Consumo Aparente de Bens Industriais. O resultado, divulgado hoje (10) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), foi puxado pelo crescimento de 0,8% na produção interna de bens industriais líquida[…]

Copom inicia reunião com expectativa de redução da taxa básica de juros

Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil A primeira reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) neste ano começará na manhã de hoje (6), com expectativa de nova redução da taxa básica de juros, a Selic. Hoje será realizada a primeira parte da reunião e amanhã (7), por volta das 18h20,[…]

Indústria fecha 2017 com crescimento de 2,5%, após três anos de queda

Nielmar de Oliveira – Repórter da Agência Brasil Em dezembro, a alta foi de 2,8% em relação ao mês anteriorArquivo/Isac Nóbrega/PR Após três anos de quedas consecutivas, a produção industrial brasileira fechou o ano passado com crescimento acumulado de de 2,5%, na comparação com 2016, puxada pelo setor automotivo. Este é o primeiro resultado anual[…]

Saldo das operações de crédito do sistema financeiro alcançou R$ 3,086 trilhões

O saldo das operações de crédito do sistema financeiro alcançou R$ 3,086 trilhões em dezembro do ano passado, o que representou uma queda de 0,6% em relação a 2016, quando esse valor chegou a R$ 3,105 trilhões. O saldo de 2017 é equivalente a 47,1% do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens produzidos no[…]